Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Borboleta Verde

Seg | 08.06.20

Aproveitar para conhecer Portugal: Palácio dos Marqueses de Fronteira

Cláudia Miguel

Para quem raramente faz férias em Portugal, ou conhece mal o nosso país, ou ainda porque com as voltas que o Covid-19 deu às nossas vidas não vai ter férias, podem sempre aproveitar para dar uns passeios por cá, ajudando assim a economia e ficando a conhecer espaços que não conhecem.

Aconselho vivamente, mesmo que sejam espaços que nunca se preocuparam em visitar na vossa cidade, ou numa cidade vizinha.

Foi o que fiz e fui conhecer os jardins do Palácio dos Marqueses de Fronteira.

Construído entre 1671 e 1672, os seus jardins têm espaços com diferentes nichos e elementos decorativos: um espaço de jardim com sebes estilo jardins de Versalhes; uma parte do jardim com o “Tanque dos Cavaleiros” adornado por belíssimos azulejos com representações de cavaleiros dos antepassados da família, e no topo a galeria dos Reis, enquadrada por dois torreões; o jardim de cima com a sua fonte de Vénus e ainda a belíssima Casa de Fresco, um espaço abobadado, decorado com cerâmica e conchas, com pequenas fontes de água no interior que o tornavam fresco, agradável e discreto para conversas mais recatadas, uma vez que a água a correr criava um barulho de fundo tornando as conversas mais privadas.

IMG_0003-1 (1).jpg

IMG_0031-1 (1).jpg

IMG_0052-1 (1).jpg

IMG_0100-1.jpg

IMG_0132-1 (1).jpg

IMG_0270-1 (1).jpg

IMG_0379-1.jpg

Vestido: Natura

Chapéu: Parfois

Sandálias:  Deichmann

Bijuteria: GataPreta Artesanato

2 comentários

Comentar post